Segunda etapa do Colégio de Inspetores aconteceu em Igaraçu do Tietê

O Crea-SP reuniu na sexta-feira, 26 de abril, no salão municipal da estância turística de Igaraçu do Tietê, profissionais da área tecnológica das regiões de Assis, Bauru, Marília, Botucatu, Itapeva e Sorocaba para debater a fiscalização do exercício profissional de engenharia e agronomia, realizando assim a segunda etapa anual do Colégio Regional de Inspetores.

O Presidente do Crea-SP, Engenheiro Vinicius Marchese Marinelli, compôs a solenidade de abertura do evento ao lado do prefeito da cidade sede, Carlos Alberto Varasquim; do prefeito de Barra Bonita, Eng. José Luís Rici; do Gerente Regional da 8ª Região, Paulo Eduardo de Grava; do Diretor Técnico do Crea-SP, Eng. Márcio de Almeida Pernambuco; do inspetor especial e Secretário Municipal de Obras e Serviços Públicos, Eng. Murilo Bruno de Souza; do Presidente da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos da Região de Barra Bonita e Igaraçu do Tietê, Eng. Nilton Luiz Ereno; do Coordenador do Colégio de Entidades Regionais de São Paulo, Eng. Mamede Abou Dehn Junior; do Coordenador da Comissão Especial Organizadora Regional do Congresso Estadual de Profissionais, Eng. Clóvis Sávio Simões de Paula; da Superintendente de Fiscalização do Crea-SP, Eng. Maria Edith dos Santos; e do Superintendente de Colegiados do Crea-SP, Eng. Gumercindo Ferreira da Silva.

Na oportunidade, o Presidente do Crea-SP apresentou os resultados da ação de fiscalização realizada nos meses de fevereiro e março nas regiões de Garça e São Roque (8ª e 11ª Regiões Administrativas do Conselho).

A ação cobriu mais de 150 municípios para fiscalizar 3.471 atividades técnicas desenvolvidas em 211 empreendimentos por mais de 32 mil profissionais e mais de 6.700 empresas, que têm impacto direto na vida de quase cinco milhões de pessoas.

O foco das ações realizadas foram as diversas áreas de mineração, águas subterrâneas, barragens de contenção e hidrelétricas, indústrias de todos os segmentos (principalmente as vinculadas aos setores de petróleo, alimento, química, farmacêutica, borracha, cerâmica, bebida e agroindústria) e as chamadas obras de arte da engenharia (pontes, passarelas, túneis e viadutos), além de estabelecimentos hospitalares.

O Engenheiro Vinicius citou ainda as ações do Conselho para a formação e a capacitação dos profissionais da região, por meio de uma parceria com a Unesp e a Univesp, para oferecer educação continuada a distância, aproximando-os da nova realidade de mercado.

O Colégio de Inspetores é o fórum permanente composto pelos inspetores e pelo Presidente do Crea-SP para auxiliar, discutir e propor diretrizes para a fiscalização do Conselho. Um dos objetivos das suas reuniões é o de promover a valorização dos profissionais do Sistema Confea/Crea como agentes transformadores no desenvolvimento sustentável dos municípios.

Produzido pelo Departamento de Comunicação e Eventos do Crea-SP

Reportagem e fotos: Jornalista Perácio de Melo – DCEV/SUPCEV